5.8.12

Papo de amiga : Namorar cedo.

Namorar Cedo

Ei Amores , hoje quero debater com você sobre o tema "Namorar cedo" . Vocês concordam ? ou são contra ? Bom , na minha opinião eu acho que é perda de tempo ,  acho que tem que aproveitar a vida sabe ? Sair com os amigos , focar nos estudos , paquerar bastante HAHA. Ai depois quando já tiver uns 17 , 18 começar a pensar nisso . Eu fiz tipo uma "pesquisa" com minhas amigas no facebook .

Gabrielle :  "ah, eu concordo, porque se você realmente gosta da pessoa, não é tempo, idade, e nada que pode atrapalhar, você deixaria de ser feliz com a pessoa que ama, pra curtir ? " 
Sabrina : "Eu não concordo porque tá muito cedo , tem que curtir mais ."
Paula : "Eu acho que tem que aproveitar , pois eu namorei cedo e sofri demais e não aproveitei nada .Acho que se eu pudesse voltar no tempo eu não namoraria tão cedo."

Meus Pais "Daniela não vai inventar história de namorar cedo não , só depois dos 40." (brincadeira)


E você ? concorda sim ou não ? Deixe seu comentário :)

6 comentários:

  1. acho que namorar requer muita responsabilidade,e a pessoa tem que saber que terá de deixar certos hábitos , haha minha mãe e desse jeito namorar depois dos 50 e com ela sentada no meio do casal rs
    beijos
    pergunta? http://ask.fm/Lolamantovani
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Namorar cedo depende. Eu sou a mais lerda da turma e nem beijei ainda - não quero ficar por ficar :S - Se a pessoa realmente valer a pena e voce gostar dela e ela de voce, por que nao? Mas do contrário, ficar de boa é o que há KKK eu por exemplo, ando namorando muuito os personagens de livros e to otima com isso então KK
    opaaa me senti feliz heein?

    *-*

    Um beeeijo pra voce sua linda :D
    Pâm
    http://interruptedreamer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Acho que depende muito da cabeça da menina. Tive meu primeiro namorado com 13 anos e ele tinha 19, então a minha mãe meio que ficou assustada por ele ser mais velho que eu e tal, mais quando ele foi pedir pra minha mãe oficialmente ela acabou gostando dele. Claro que depois disso, ela começou a conversa muito comigo sobre relacionamento, sexo... essas coisas e_e Eu sempre ouvia ela com muita atenção, eu e a minha mãe sempre tivemos um relacionamento muito bom sabe... Mas vou te dizer, eu sofri muito por namorar cedo! As minhas "amigas" se revoltaram contra mim (acho que era inveja), eu comecei a depender muito dele, os meus dias se resumiam no tempo que a gente passava junto, eu só pensava nele e relaxei nos estudos, sem dizer no quanto eu sofria por não poder ir em lugares que ele queria pq eu era de menor né T.T Depois de uns 4 meses de namoro a gente brigou muito, fiquei sabendo de boatos que ele me traia, dai terminei T.T mais eu amava ele e ele me ajudou muito a pensar melhor sobre relacionamento sabe, aprendi muita coisa! Apesar de ter sofrido horrores eu não me arrependo não, faria tudo de novo! Mas claro, dessa vez sendo menos egoísta...

    Mas tenho que dizer, que hoje em dias tem muita garota novinha já namorando ou pensando em namorado mais com a intenção errada sabe? Acho isso uma sacanagem :@ Além, que elas sabem nada da vida, e namorar um garoto mais velho pode ser perigoso sabe :T Sei la, como eu disse vai muito da maturidade da pessoa...

    http://rascunhosdasuuka.com/

    ResponderExcluir
  4. concordo com a suka. Namorar traz muito aprendizado, a gente amadurece bastante. Mas ai vai da intenção da menina (e do cara tb!), mtas estão com intenções q eu nem pensava quando era dessa idade :s

    http://help-adolecentro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, vim te convidar para participar da promoção que esta rolando lá no Garotos Modernos, leia o regulamento, participe & boa sorte =D,

    ResponderExcluir
  6. Posso falar por experiência própria que o desejo de namorar cedo é de instinto feminino, e que se soubermos esperar um pouco mais e deixarmos a ansiedade de lado, vamos aproveitar muito mais do que esperamos de um namoro. Eu me apaixonei por um homem a 10 anos atrás e tenho certeza que se eu tivesse namorado com ele,eu estaria casada, mas, eu que tenho 24 anos hoje estaria com aparência de 40, acabada, com uma renca de filhos, lavando, passando, cozinhando, nada contra, mas uma vida rotineira. O destino nos separou sem nossa vontade e entao por amor a esse homem eu decidi que eu nao me relacionaria mais com ninguem. Eu nao vou mentir, de 14 até 17 anos eu vivi a minha vida normal, chorando e me lamentando por nao ter o meu amor por perto. De 18 até 21 anos eu curti em todas as baladas possiveis, e comigo era "pega mais não se apega", eu tratava os homens como eu achava que eles mereciam! Mais por sexo do que por amor. Aos 22 e 23 anos eu comecei a pensar diferente e não culpar ninguém pelo triste fato de ter perdido o grande amor da minha vida, simplesmente me conformei com o ditato de " Se não deu certo, é porque não era pra ser". Eu sempre fui muito responsável e sempre quis ser independente, entao estudei muito. O tempo que eu eu não namorei eu dediquei a mim e a meu futuro. Hoje sou detetive, tenho 30 cursos concluídos, ainda estudo Criminologia e Ciencias Jurídicas. Pretendo me mudar para uma grande capital para fazer faculdade de Química Forense e crescer na carreira como Perito Criminal. Então, hoje eu tenho um namorado, posso dizer que é o meu primeiro relacionamento sério, mas ele não é minha prioridade, não que eu não ame o meu namorado, mas eu me amo de mais, e amo os meus sonhos, a minha carreira, a minha vida, e homem nenhum me daria isso. Eu conquistei sozinha com meu esforço, com meus estudos. Meninas, homens estao em toda parte, o mais importante é vocês se descobrirem, descobrirem o que querem ser na vida, os sonhos, lutar, conquistar, ser independente, para que os homens te respeitem e nao façam de voces uma propriedade. Primeiro amem-se, cuidem-se, vivam, divirtam-se, apaixone-se, mas, só coloque um homem em suas vidas quando vocês tiverem a certeza absoluta de que a única coisa que precisam é somente o amor. Porque o resto já terão conquistado!

    ResponderExcluir